Está ok para inalar propilenoglicol?

Está ok para inalar propilenoglicol?

Efeitos colaterais do propilenoglicol

No mundo dos vícios populares, o vaping ainda é o Oeste selvagem – não há muita regulamentação oficial, as regras não estão firmemente estabelecidas e o impacto social, cultural e de saúde pública do vaping ainda não está realmente claro. Afinal de contas, o vaping não existe há tempo suficiente para ver quaisquer estudos ou efeitos a longo prazo. Não temos milhares e milhares de páginas de pesquisa sobre como o vaping afeta o corpo, como fazemos com o fumo convencional, e muito do que sabemos sobre o vaping é uma mistura de evidências circunstanciais, evidências anedóticas e opiniões subjetivas e conjecturas. Então as grandes questões – o vaping é ruim para você? O vaping é uma droga? O vaping tem efeitos colaterais? – ainda estão no ar.

Todos sabem como funciona o fumo: o tabaco seco e triturado é envolto em um tubo de papel, que depois é incendiado em uma extremidade, enquanto o fumante inala a fumaça através da outra extremidade. Acontece que a moldagem é apenas um pouco mais complicada, embora exija muito mais eletrônicos. No vaping, um dispositivo (a caneta vape ou vape mod) aquece um líquido volátil em um cartucho, que o usuário inala do dispositivo. É isso; em vez de queimar tabaco, um vape simplesmente transforma um líquido em vapor (oh, é aí que eles recebem o nome!).

Efeitos colaterais da glicerina vegetal vape

Como fumantes, estamos acostumados a inalar produtos químicos em nossos pulmões e não temos a menor idéia. Para muitos fumantes é um choque descobrir que existem mais de 4000 produtos químicos diferentes em um único cigarro, incluindo arsênico, cianeto e muito mais. Afinal, como fumante, uma das primeiras coisas que você aprende a fazer é ignorar os avisos na caixa sobre sua saúde pulmonar ou a chance de doença pulmonar, só para mencionar um dos muitos perigos do fumo.

Uma das grandes coisas sobre cigarros eletrônicos então é que existem apenas 4 ingredientes que você está respirando, sendo um deles o Propilenoglicol. A menos que você tenha um diploma de química, embora provavelmente não saiba o que é Propilenoglicol, e o que ele faz com você.

O Propilenoglicol (PG), é um ingrediente que já existe muito antes dos cigarros eletrônicos. Se você o visse por si mesmo, tudo o que veria seria um líquido incolor e inodoro, que em consistência é viscoso como o mel. Ele tem um sabor levemente doce e tem a habilidade de manter a umidade também.

Efeitos colaterais do propilenoglicol vape

Milhões de pessoas infelizmente perdem suas vidas para fumar todos os anos porque é um vício para toda a vida que eles não conseguem abalar. Embalados com milhares de produtos químicos que são desconhecidos do fumante, os gostos do tabaco e toxinas perigosas como o monóxido de carbono representam um sério risco para sua saúde. Com o e-cigarettes, é visto como uma alternativa mais segura que pode ajudar os fumantes a reduzir seu vício em nicotina ao ponto de poderem abandonar ambos. E melhor ainda, você tem muito mais controle sobre o que você inala, pois os cigarros eletrônicos contêm muito menos ingredientes.

Na maioria dos casos em que o e-liquido é regulado e fabricado por um fabricante respeitado, ele contém água, adoçantes, nicotina, bem como compostos quimicamente produzidos Glicerina Vegetal (VG) e Propilenoglicol (PG). O objetivo deste conteúdo é olhar para este último, entendendo porque o PG está em seu suco de vape, porque algumas pessoas têm uma reação alérgica ao Propilenoglicol e se é seguro para vape ou uma substância perigosa que você deve evitar.Propilenoglicol – O que ele faz?

O que o propilenoglicol faz a seus pulmões

No mundo dos vícios populares, o vaping ainda é o Oeste selvagem – não há muita regulamentação oficial, as regras não estão firmemente estabelecidas e o impacto social, cultural e de saúde pública do vaping ainda não está realmente claro. Afinal de contas, o vaping não existe há tempo suficiente para ver quaisquer estudos ou efeitos a longo prazo. Não temos milhares e milhares de páginas de pesquisa sobre como o vaping afeta o corpo, como fazemos com o fumo convencional, e muito do que sabemos sobre o vaping é uma mistura de evidências circunstanciais, evidências anedóticas e opiniões subjetivas e conjecturas. Então as grandes questões – o vaping é ruim para você? O vaping é uma droga? O vaping tem efeitos colaterais? – ainda estão no ar.

Todos sabem como funciona o fumo: o tabaco seco e triturado é envolto em um tubo de papel, que depois é incendiado em uma extremidade, enquanto o fumante inala a fumaça através da outra extremidade. Acontece que a moldagem é apenas um pouco mais complicada, embora exija muito mais eletrônicos. No vaping, um dispositivo (a caneta vape ou vape mod) aquece um líquido volátil em um cartucho, que o usuário inala do dispositivo. É isso; em vez de queimar tabaco, um vape simplesmente transforma um líquido em vapor (oh, é aí que eles recebem o nome!).